MENU
(43) 3339-7199

Releases

Uma ortodontia mais ágil e menos dolorosa

A cada dia, novas tecnologias surgem para facilitar a vida dos pacientes que necessitam de correções dentárias, realizadas por meio da especialidade de Ortodontia. Com o avanço das técnicas empregadas, o aparelho fixo também se aprimorou e agora o paciente já tem como optar por um tratamento mais rápido e menos doloroso. O aparelho autoligado é uma alternativa ao aparelho fixo convencional.

A especialista em ortodontia pela EPEO Odontologia Xenia Regina Pedroso explica que o aparelho autoligado facilita a movimentação dos dentes, a higienização e até a estética. “Esse tipo de aparelho transforma o tratamento ortodôntico por manter constantes as forças de movimentação e dispensar as ligas elásticas (borrachinhas), o que torna a mecânica mais eficiente e os resultados mais precisos. É evidente que não é somente o braquete autoligado (braquete é a peça que vai colada ao dente) que faz o “milagre”, mas ele possibilita que se otimize algumas correções nas fases mais precoces do tratamento”, esclarece.

Segundo ela, a principal diferença para o aparelho fixo convencional e o autoligado consiste na ausência das famosas borrachinhas, o que permite melhor higienização, diminuindo a quantidade de bactérias que poderiam levar a cáries ou doenças gengivais, por exemplo. “Além da melhor condição de saúde, o aparelho autoligado apresenta uma estética mais favorável para os pacientes, pois os braquetes são menores e mais discretos, deixando um sorriso mais clean, agradando muito aos pacientes, principalmente aqueles mais exigentes com a estética”, comenta.

Com relação ao tempo de tratamento, ela explica que é necessário entender que as forças mecânicas e a biologia do organismo devem estar otimizadas para se obter maior estabilidade ao longo do tratamento e que cada caso deve ser a avaliado individualmente.

 

 

Cliente: EPEO

voltar